CobNews

VENDA DE MATERIAL DE CONSTRUÇÃO CAI 6,5%

Notícias >> Retração registrada pela indústria até setembro fez setor revisar para baixo a projeção pela quarta vez consecutiva

As vendas de materiais de construção neste ano foram muito mais fracas do que o imaginado por representantes da indústria, que reduziram pela quarta vez a proj eção para o faturamento do setor. A expectativa atualizada é de queda de 4%   nas vendas em 2014, segundo a Associação Brasileira da Indústria de Materiais de Construção (Abramat). Aestimativa inicial, anunciada em janeiro, era de alta de  4,5%. Mês a mês, a comercialização surpreendeu negativamente os empresários do setor.

 De acordo com pesquisa divulgada ontem pela associação, as vendas da indústria caíram 5,7% em setembro na comparação com o mesmo mês do ano passado. Já em relação a agosto, houve alta de 54%. No acumulado entre janeiro e setembro de 2014, as vendas recuaram 6,5% em relação aos mesmos meses de 2013.

 Entre os fatores que explicam a derrocada estão o ambiente de baixo crescimento da economia, a falta de confiança de empresários e consumidores, e os feriados da Copa do Mundo. "O mercado foi duramente afetado pelo pessimismo em relação à economia, reforçado pela perda de dias úteis em função da Copa e feriados", afirmou Waltcr Cover, presidente da associação.

 O primeiro corte da Abramat na sua projeção de crescimento para o setor ocorreu em maio, quando baixou de 4,5% para 3,0%. A expectativa de expansão foi mantida, pois a associação acreditava na recuperação das vendas nos meses seguintes. No entanto, a melhora não teve o ritmo esperado. Em julho, houve nova revisão para 2%, e em setembro, para 0,5%.

 Construção. Além do ambiente econômico desfavorável, a queda nas vendas de imóveis e na oferta de novos empreendimentos foi decisiva para baixar a comercialização de materiais de construção. A baixa nos lançamentos resultou em redução no volume de novas obras. Em paralelo, com vendas menores, há menor comercialização de materiais para reformas e decoração.

 As vendas de materiais de base caíram 8,2% no acumulado do ano, enquanto os materiais de acabamento tiveram recuo de 3,9%, segundo pesquisa da Abramat.

 

FONE: +55 31 3296-7005
FAX: +55 31 3292-7814
AV. RAJA GABÁGLIA, 4987
SANTA LÚCIA - BELO HORIZONTE
MINAS GERAIS
FONE: +55 31 3378-4527
Av. AGGEO PIO SOBRINHO, 431
BURITIS - BELO HORIZONTE
MINAS GERAIS